Gerenciamento da costa brasileira será debatido em seminário

O Ministério do Meio Ambiente vai realizar seminário, em março de 2011, sobre modelamento e gerenciamento costeiro do Brasil. O objetivo do seminário é informar e capacitar representantes da academia e de governos sobre o potencial do uso da ferramenta de mapeamento da costa para a gestão costeira brasileira.

 

 

 

08/11/2010

Gerenciamento da costa brasileira será debatido em seminário

 

Costa do Dendê, Bahia. © Fabiano Prado Barretto/Global Garbage

Costa do Dendê, Bahia. © Fabiano Prado Barretto/Global Garbage

 

Carlos Américo

O Ministério do Meio Ambiente vai realizar seminário, em março de 2011, sobre modelamento e gerenciamento costeiro do Brasil. O objetivo do seminário é informar e capacitar representantes da academia e de governos sobre o potencial do uso da ferramenta de mapeamento da costa para a gestão costeira brasileira.

O evento é resultado de parceria técnica com a Espanha para o intercâmbio de experiências e tecnologia a fim de mapear o litoral brasileiro e prever, num futuro de até 50 anos, alterações no desenho da costa, erosões e áreas suscetíveis aos efeitos da mudança do clima.

 

Costa do Dendê, Bahia. © Fabiano Prado Barretto/Global Garbage

Costa do Dendê, Bahia. © Fabiano Prado Barretto/Global Garbage

 

O anúncio foi feito na sexta-feira (5/11), quando o secretário executivo do Ministério do Meio Ambiente, José Machado, se reuniu com representantes da Agência de Cooperação Espanhola, universidades de São Paulo, Federal de Santa Catarina e de Cantabia (Espanha), e da Secretaria de Extrativismo e Desenvolvimento Rural para avaliar a parceria.

Para Machado, a ferramenta de mapeamento da costa facilita a tomada de decisão, e para isso, é preciso de formação técnica. “O Brasil tem de ter responsabilidade para construir e capacitar técnicos e instituições para a gestão costeira. Isso é estratégico para o país”, ressaltou.

Além de antecipar casos de erosão, impactos das mudanças climáticas e risco de deslizamento e enchentes, o modelamento costeiro permite usar o potencial de energia do mar. A expectativa na Espanha é de que, em 50 anos, 20% da fonte energética do país seja do mar.

 

Costa do Dendê, Bahia. © Fabiano Prado Barretto/Global Garbage

Costa do Dendê, Bahia. © Fabiano Prado Barretto/Global Garbage

 

O evento debaterá um sistema de prevenção de danos em casos de derramamento de petróleo. O sistema permite criar projetos para atuar diretamente na solução do problema, como na retirada de pessoas e na proteção das espécies na área de acidente.

No primeiro ano da parceria, foi desenvolvido projeto piloto na praia de Massuguaçu, no estado de São Paulo, onde foi diagnosticado áreas de erosão. Com base nessas informações, especialistas e gestores vão poder trabalhar para reverter o dano.

Com a tecnologia de modelamento costeiro, será possível antecipar casos de erosão, impactos das mudanças climáticas, risco de deslizamento e enchentes e mudanças na maré. Além disso, facilita a gestão e o ordenamento territoriais, com o acesso a informações.

Ministério do Meio Ambiente



2 Responses to “ Gerenciamento da costa brasileira será debatido em seminário ”

  1. Atualmente atuo como Subsecretário para o Plano Setorial para os Recursos do Mar - PSRM, no âmbito da Secretaria da Comissão Interministerial para os Recursos do Mar - SECIRM, em Brasília. Participo também que na CIM funciona o Comitê Executivo para o Gerenciamento Costeiro, Coordenado pelo MMA, bem como o Grupo de Integração para o Gerenciamento Costeiro, ambos no âmbito do Plano Nacional para o Gerenciamento Costeiro.
    Consulto a possibilidade do envio de maiores informações com respeito ao Seminário, colocando-me a disposição para colaborações que possam necessitar.
    Atenciosamente
    Eron de Oliveira Pessanha
    Capitão-de-Mar-e-Guerra
    Subsecretário para o Plano Setorial para os Recursos do Mar
    E-mail:
    Celular: 061 - 91946861 (Brasilia)
    Celular: 021 - 83168799 (Rio de Janeiro)

  2. Somos uma ONG que atua no Litoral Norte Paulista.
    Solicitamos informação sobre o seminário.
    Saudações

    Caetê Ecolazer

Leave a Reply